sábado, 9 de março de 2013

VIVA FELIZ EM SEU LAR!


"Tua esposa, no interior de tua casa, será como a videira frutífera; teus filhos como rebentos da oliveira, à roda da tua mesa." (Salmo. 128: 3)

Viver feliz é uma questão de opção. Pode parecer simplório demais, óbvio demais, contudo não o é, pois existe uma infinidade de pessoas que não sabem o que é ser feliz de verdade, vivem uma falsa felicidade e vão se contentando com ela, mas isso não precisa ser assim, nós podemos ter vida plena em Cristo constantemente. O grande problema é que a maioria das pessoas querem pular etapas, elas querem os benefícios de uma vida inteira de trabalho, no início de uma carreira. Elas querem uma espiritualidade madura sem ler a Bíblia, sem oração, sem buscar intimidade com Deus. Elas querem uma família feliz, sem se importarem com os seus membros, ainda mais se forem os progenitores. Mães que pensam mais em suas carreiras profissionais do que em seus filhos. Pais que buscam seus interesses acima dos de seus filhos pequenos que necessitam de sua presença constante e de seu exemplo diário. 

O capítulo 128 é uma promessa, mas se o interessado ler o primeiro versículo, deste mesmo capítulo, verá que ele obrigatoriamente terá que temer ao Senhor, e esse temer é muito mais profundo do que podemos imaginar. Quem teme, não tem medo, tem respeito, tem a devida dimensão de quem é Deus. Então irá procurar fazer a Sua vontade SEMPRE, mesmo que essa vontade vá de encontro com a nossa, e mesmo que nos faça levantar de nossa situação de preguiça para que possamos trabalhar e optar assim pela felicidade. Vejamos o versículo dois deste mesmo Salmo: "Do trabalho de tuas mãos comerás, feliz serás, e tudo te irá bem."

Tudo te irá bem mesmo em meio as tempestades da vida, mesmo durante as turbulências que surgem diariamente. O que mudará será a nossa postura diante dessas situações, pois saberemos que Deus SEMPRE está no controle. 

Escolha o melhor caminho, escolha a felicidade com Cristo no barco!

Autor: Tom Alvim.
Imagem: Google

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário

Não serão aceitos comentários de cunho ofensivo, racistas, desprovido de coerência ou outros semelhantes a estes. Obrigado por seu interesse e volte sempre a este blog. Seu comentário é muito importante.