sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

Família - O papel dos filhos

"Vós, filhos, sede obedientes a vossos pais no Senhor, porque isto é justo." Efésios.6:1


É claro que ao se falar em filhos precisamos primeiro definir uma idade para isso, contudo para que alguém compreenda qual o seu papel em determinado lugar será necessário que ele possua discernimento, maturidade mental e emocional, mas quando isso acontecer os valores cristãos já deverão ter sido plantados com muito carinho ao longo do tempo nesses "coraçãozinhos". Geralmente uma criança é terreno fértil até os seus 6 ou 7 anos de idade, mas nada impede que ainda absorvam ensinamentos até a sua velhice, contudo aquilo que for ensinado na infância perdurará por uma vida inteira, logo, vale muito à penas fazer isso com muito cuidado.

Então qual é o papel dos filhos em uma família? 

Eu poderia enumerar uma infinidade de coisas, mas existe uma que irá determinar toda a sua conduta em relação a sua família e também em relação a comunidade na qual está inserido. O temor ao Senhor Deus! Essa é a chave que move qualquer ser humano a ser realmente humano, a ser um bom pai, uma boa mãe e um bom filho. É por este motivo que existe uma força que tenta destruir no mundo a cultura judaico-cristã que prega limites para uma vida saudável em sociedade, pois destruindo essa cultura que nos foi ensinada primeiro na família, destrói-se valores inalienáveis que nos "mantém na linha".

O papel dos filhos é, temendo a Deus, somar juntamente com seu pais para que os objetivos traçados por eles sejam alcançados, e principalmente para que esta família, este lar, seja um lugar seguro para se passar por esta vida.

Isso é justo? Claro que é, a bíblia assim nos ensina.

Autor: Tom Alvim
Imagem: Stock.xchng

2 comentários:

  1. Ser pai é um presente de Deus na minha vida, principalmente por causa da minha promíscua vida pregressa. Cheguei mesmo a pensar que nunca viria a ter uma família, mas, hoje, posso testemunhar que Deus é bom! Tenho uma família para a glória de Deus e o desafio de ensinar minhas filhas a temer a Deus e buscá-lo enquanto se pode achar. Abraços, Tom!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É Fábio, tenho agradecido a Deus também a cada dia por essa bênção...ser Pai é um grande presente que me faz aprender muitas coisas e principalmente a ser moldado em meu caráter. Pensei por algum tempo que não teria um família, mas Deus, no tempo dele, providenciou tudo e assim me fez crescer. Deus continue a abençoá-lo e a sua linda família.

      Excluir

Não serão aceitos comentários de cunho ofensivo, racistas, desprovido de coerência ou outros semelhantes a estes. Obrigado por seu interesse e volte sempre a este blog. Seu comentário é muito importante.