QUANDO AS SOMBRAS SILENCIAM

Ficção espiritual que conta a estória de um casal de missionários, em meio a muita ação e aventura.

HOMENS QUE LUTAM

Nova série de artigos sobre atitudes que tornam os homens mais do que vencedores.

FAMÍLIA - O PAPEL DO HOMEM.

"Vós, maridos, amai vossas mulheres, como também Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela, (Efésios. 5: 25)"

FAMÍLIA - O PAPEL DA MULHER.

"Toda mulher sábia edifica a sua casa; mas a tola a derruba com as próprias mãos. (Provérbios. 14:1)"

POEMAS - Para adoçar a vida!

Poemas que nascem no coração, cresce em nossa mente e alçam vôo em nossa imaginação.

Blog Impressões Sem Pressões

"Em meio a valores distorcidos em nossa sociedade, temos JESUS CRISTO como referencial perfeito!" (Tom Alvim).

sábado, 29 de setembro de 2012

Silêncio!


Pode parecer bobagem, mas existem momentos que devemos ficar em silêncio total, à partirmos para qualquer movimento que seja. Na oração por exemplo, podemos ficar em silêncio após termos falado com o Pai e apenas descansarmos juntinho dele, em seu aconchego, sentindo o ambiente celestial a nos envolver. Em silêncio podemos ouvir melhor. Perceber o mundo espiritual ao nosso redor e assim traçarmos estratégias para gerir o que nos aflige. Nem que essa estratégia seja ficarmos quietos e não fazermos absolutamente nada. Descansar em Deus é algo difícil de se fazer, pois a maioria de nós aprendeu que algo só acontece se fizermos a nossa parte e que sem trabalho nada acontece.

Longe de mim defender o preguiçoso, não é isso que faço nas linhas acima. Apenas estou dizendo que algumas vezes a respostas para os nossos questionamentos somente virão quando nos aquietarmos.

É difícil entendermos essa dinâmica do silêncio, porque se não estivermos totalmente dependente de Deus iremos querer criar nossos próprios estratagemas. Iremos querer gerir nossos negócios apenas com a nossa inteligência e consultaremos todo e qualquer "new consulting" que estiver ao nosso alcance, e olha que existem muitos por ai, existem consultores para corte de cabelo, que se auto-intitulam "hair style", consultores para achar a pessoa amada, consultores para assuntos da alma que são os novos gurus gospel por ai e muitos outros. Pessoas para dar ou vender conselho não faltam, contudo, o que vai demonstrar sua fé em Deus é exatamente o contrário, pois a primeira opção que temos para conselhos na vida, e de vida, deve ser o de nosso amado Pai, o restante terá até mesmo o seu espaço, mas não será a nossa primeira opção.

Confiar em Deus é ouvir sua doce voz e se for o momento para a ação iremos agir, mas se for o momento de ficarmos em silêncio, assim permaneceremos sabendo que Ele está no controle de todas as coisas neste mundo e que irá nos mostrar qual decisão tomarmos, se confiarmos nele.

O silêncio não é uma opção preguiçosa e ingênua, é um momento de reflexão e de crescimento junto ao Pai. 

Silêncio! Por favor.


Autor: Tom Alvim
Imagem: Stock.xchng

sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Disciplina: a chave do sucesso


"Difícil é um amontoado de coisas fáceis"

Decorei esta frase durante a época de meu pré-vestibular, ela estava escrita em uma das paredes do cursinho para motivar os alunos. Existiam muitas outras, mas essa ficou em minha memória e sempre que alguém diz que algo é difícil ela pula em minha frente fazendo-me refletir sobre muitas coisas, entre virtudes e vergonhas humanas. Virtudes como a disciplina que nos leva a sermos organizados e com propósitos bem definidos, não olhando nem para a esquerda e nem para a direita e desta maneira seguindo resolutos na direção certa e bem definida. 

É a disciplina, tão achincalhada por muitos, que faz com que os nossos sonhos possam se tornar realidade, mas isso de forma plausível, sem utopias. A disciplina é aprendida e apreendida com o passar do tempo, tornando-se um hábito saudável e produtora de verdadeiros vencedores. Mas quando falo de vencedores não é do ponto-de-vista humano que sempre leva para o lado financeiro e do acúmulo de bens - não aguento mais essa temática egoísta de vitória. Falo da verdadeira vitória, aquela que nos leva a sermos semelhantes à Cristo, negando a nós mesmos e ao nosso ego, para fazermos a vontade daquele que nos criou para a sua glória.

Se começarmos a nos distrair com outras coisas de forma indisciplinada, começamos a "atirar para todos os lados" sem critérios corretos e acabaremos por nos perder em meio a muitas opções existentes. Ainda mais nesses dias pós-modernos aonde  a quantidade de informações e de diversas opções pululam em nossa frente, basta para isso ligarmos os nossos televisores com os canais pagos ou os nossos computadores, smartphones, celulares, etc, para que fiquemos pulando de canal em canal, de link em link sem nos atermos com calma e quase nenhum deles. Isso é marcante na vidas dos alunos, na vida dos profissionais que querem se aperfeiçoar ou na vida cotidiana de cada um de nós. 

Lembro-me de alguns irmãos em Cristo estadunidenses que vieram ao Brasil para nos ajudar a pregar as boas novas, eles sempre alegres com um sorriso no rosto, fazendo muitas piadas e se divertindo bastante, mas quando saiam em campo demonstravam a que vieram. Esse exemplo de seriedade e objetividade ficou encrustado em minha memória e com certeza me ensinou muito sobre disciplina e foco.

Quer alcançar os seus sonhos? Quer ver suas metas atingidas? 

Primeiro apresente a Deus para saber se ele as aprova. Depois discipline-se para saber o que é realmente importante e o que é fardo ou peso morto, e desta forma sua vida irá melhorar em muitos aspectos.

Seja um vencedor, seja disciplinado em Cristo.


Autor: Tom Alvim
Imagem: Stock.xchng

domingo, 16 de setembro de 2012

Um deus insuficiente

Temos no Antigo Testamento: "Olhai para mim, e sede salvos, vós todos os termos da terra; porque eu sou Deus, e não há outro." (Isaías. 45:22) e no Novo: "Crê no Senhor Jesus Cristo e serás salvo, tu e a tua casa" (Atos. 16:31). Isso é o suficiente para que possamos começar a nossa caminhada com Deus de forma simples, contudo, eficaz. Olhando para o Pai, crendo em Cristo e recebendo em si a sua marca e o seu sangue que nos purifica de todo o pecado.

Mas, mesmo diante deste e de inúmeros outros textos bíblicos que nos mostram a simplicidade do evangelho e da suficiência de Cristo existem muitos líderes que se chamam pelo nome de cristãos que inventam outras formas esquisitas de se tentar chegar a Deus. Esquecem-se do que é vivo e eficaz e buscam muletas para si e para os seus seguidores. Esses gurus da fé proliferam-se a cada dia e enganam a muitos com suas práticas pagãs e hereges, fazendo da Palavra de Deus algo insuficiente e ineficaz.

Arrepia-me quando vejo tais práticas religiosas e meu coração fica apertado vendo que é isso que o povo quer para si, pois poucos são aqueles que querem Deus pelo que ele é e não apenas pelo que pode fazer. Se hoje tivéssemos homens como Mesaque, Sadraque e Abednego que disseram ao Rei em Daniel. 3: 17, 18: "Se o nosso Deus, a quem servimos, quer livrar-nos, ele nos livrará da fornalha de fogo ardente, e das tuas mãos, ó rei. Se não, fica sabendo, ó rei, que não serviremos a teus deuses, nem adoraremos a imagem de ouro que levantaste." 

 Isso é exemplo de fé em Deus e em suas promessas, não se agarrando a nada que não seja verdadeiro. Não se agarrando a conhecidos influentes, a tapete ungido, águas ungidas, crentes com oração poderosa (curandeiros evangélicos), super profetas, imposição de mãos feitas por "homens de Deus", fronha ungida, etc. A lista é enorme e em um primeiro momento até nos faz rir, mas depois visto a gravidade da situação nos mostra a triste realidade do misticismo-evangélico dos dias atuais. Crer em Jesus Cristo já não é o suficiente. Saber que o SANGUE de Jesus nos purifica de todo o pecado também não. Daqui a pouco teremos crentes pagando penitências, isso se já não existir por ai.

O evangelho puro e simples é para aqueles que amam a Deus pelo que ele é e não pelo que pode fazer, como foi dito acima, e isso se traduz pelo que pedem em suas orações e para que pedem. Que possamos seguir nosso caminho tendo em Deus a nossa paz e que ele seja, assim como o é, simplesmente SUFICIENTE.


Autor: Tom Alvim.
Imagem: Stock.xchng

domingo, 9 de setembro de 2012

Ansiedade - Guarda o teu coração



"Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o teu coração, porque dele procedem as fontes da vida." (Provérbios. 4: 23)

O que é realmente importante para nós? Quais são aquelas coisas que devemos guardar a sete chaves para que ninguém as roube? Nos tempos atuais a maioria das pessoas irão dizer com toda certeza que são os seus bens materiais conquistados ao longo de uma vida inteira de trabalho duro. Outros irão dizer que são os bens imateriais, mesmo não sabendo muito bem do que se trata. A grande verdade é que "o povo marcado..." da famosa canção do Zé Ramalho segue pelos caminhos traçados pela minoria poderosa da mídia, crendo que seus tesouros mais importantes estão nesta vida efêmera.

Quem guarda o seu coração, guarda as suas emoções e seguem em paz por essa pequena jornada chamada vida. Não se deixando seduzir pelo deslumbrante "mundo novo" que se apresenta. Ouve a voz de Deus, obedece os seus mandamentos e consequentemente não abre mão dos valores inegociáveis presenteados a nós, seres humanos, por nosso criador para que vivêssemos felizes em um mundo infeliz.

Quem guarda o seu coração, não alimenta o ódio, não venera a vingança, não se abastece dos ensinamentos humanos sobre relacionamentos.

Quem guarda o seu coração não vive ansioso por coisa alguma. Viver feliz não é uma arte, é apenas a consequência da obediência e da submissão àquele que não nos força a nada, mas que caminha conosco nos mostrando as decisões que devemos tomar. Guarda o teu coração e seja feliz em Cristo.


Autor: Tom Alvim
Imagem: Stock.xchng