QUANDO AS SOMBRAS SILENCIAM

Ficção espiritual que conta a estória de um casal de missionários, em meio a muita ação e aventura.

HOMENS QUE LUTAM

Nova série de artigos sobre atitudes que tornam os homens mais do que vencedores.

FAMÍLIA - O PAPEL DO HOMEM.

"Vós, maridos, amai vossas mulheres, como também Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela, (Efésios. 5: 25)"

FAMÍLIA - O PAPEL DA MULHER.

"Toda mulher sábia edifica a sua casa; mas a tola a derruba com as próprias mãos. (Provérbios. 14:1)"

POEMAS - Para adoçar a vida!

Poemas que nascem no coração, cresce em nossa mente e alçam vôo em nossa imaginação.

Blog Impressões Sem Pressões

"Em meio a valores distorcidos em nossa sociedade, temos JESUS CRISTO como referencial perfeito!" (Tom Alvim).

sábado, 31 de março de 2012

Edificando famílias felizes - Parte 2



      “O melhor movimento feminino ainda é o dos quadris” (Millôr Fernandes)

Como havia dito no artigo "Edificando famílias felizes - Parte 1" as mulheres também estão sendo enganadas e desta forma perdem o que elas tem de mais lindo; a sua feminilidade. A frase do cartunista Millôr Fernandes que faleceu a poucos dias atrás traduz muito bem o que quero dizer. A mulher recebeu de Deus algo que embeleza, seduz e permeia de vida os dias daquele que é o seu amado. Millô, ao meu ver, estava criticando o movimento feminista criado por mulheres rancorosas, tristes e mau amadas para que todas as outras se tornassem como elas.

É engraçado como a grande maioria das pessoas que participam dos "movimentos sociais" são assim, elas tem o semblante carregado e quando falam de suas convicções quase espumam de tanto rancor e ódio. Pode parecer que estou exagerando, mas não estou, é só você perder o seu tempo, parar um dia para assistir a algum debate do movimento negro, dos gays, dos integrantes do PT e dos fóruns sociais que existem aos monte no Youtube para constatar o que falo. Eles não aceitam que outros pensem diferente deles e depois vem com a conversa fiada da tal intolerância que os outros, sempre os outros, tem a seu respeito. Mas sobre esses movimentos falo outro dia, este artigo é sobre as mulheres. Não as feministas de carteirinha, pois elas são aquela minoria que quer destruir as mulheres normais e não vão desistir de incutir bobagens na cabeça da maioria.

As mulheres normais, que entendem que possuem funções biológicas diferentes dos homens, que possuem um órgão sexual diferente dos homens, que vêem o mundo de forma diferente dos homens, que possuem sentimentos diferente dos homens, que percebem o mundo de forma diferente dos homens. Pois SÃO DIFERENTES dos homens, irão somar com seus marido e não querer desmoralizá-los.

Homens e mulheres SÃO DIFERENTES, pois foram criados, por Deus, para se complementarem, um ajudará o outro na difícil tarefa de gerenciar uma família, mas cada um com papéis diferentes. Mostre-me uma empresa que não possua um CEO, ou um líder e te mostrarei uma mentira. Os papéis diversos servem para que exista coordenação e para que os objetivos traçados sejam alcançados. Na família é a mesma coisa. O homem é o cabeça, que ama a sua esposa como Cristo ama a igreja. Logo, essa liderança NÃO SERÁ NUNCA sufocante, perversa ou ditadora. Ela se fará com amor, pois sendo uma só carne, o homem que ama a Deus não fará mau a si mesmo, a sua própria carne.

A mulher como adjuntora, que realmente auxilia seu esposo NUNCA O FARÁ  de forma subserviente, mas sim com amor e em amor. Será como a mulher sábia de provérbios: "Toda mulher sábia edifica a sua casa; mas a tola a derruba com as próprias mãos"

A guerra dos sexos veio para destruir as famílias, assim como está escrito em João 10:10 que o diabo veio para destruir, isso se faz começando pela família, pois ela é a "célula mater da sociedade". Destruindo os casais, diga-se de passagem, homem e mulher, destrói-se todo o resto. 

Conclamo a maioria das mulheres que nunca percam sua feminilidade, seu gingado, suas percepções profundas das coisas e sua forma inteligente de gerenciá-las em nome de uma falsa liberdade que as tornará mulheres frias, tristes e ocas por dentro assim como são aquelas que dizem ser tão descoladas. 
Creio que a mulher moderna possa realizar seus sonhos profissionais e pessoais, mas em algum momento de suas preciosas vidas terão que inevitavelmente optar por uma ou por outra, podendo na melhor das hipóteses conduzir as duas, mas sempre deixando algum lado desguarnecido. 

A mulher foi feita para cuidar de sua prole, de seu marido e não para fazer jornada dupla. A escolha é sua e no final das contas estará tudo por sua conta e risco. A feministas não irão ajuda-las quando seus filhos começarem a querer chamar a sua atenção entrando em muitas encrencas por esse mundo afora. Também não estarão nem ai, quando seu marido, confuso, ficar como um barata tonta em casa, aproveitando de sua onda de faz tudo, de super mulher, de mulher moderna, para voltar a adolescência, aonde a palavra responsabilidade ainda não fazia parte de seu vocabulário. 

Acordem mulheres, assim como nós homens precisamos também acordar e reassumir nossos postos para que TODOS saiamos ganhando como família, que é um time aonde todos jogam juntos por um mesmo objetivo, e não um lugar aonde todos querem ser melhores que os outros e aonde a anarquia impera. 
Voltemos à verdade, voltemos a Deus!

Autor: Tom Alvim
Imagem: Stock.xchng

sexta-feira, 23 de março de 2012

Um texto pra lá de forte.



Não estou pregando homofobia, nem tampouco violência ou intolerância. O que fiz aqui foi reproduzir na íntegra um texto que li no livro "Educando Meninos" de um escritor norte-americano chamado Dr. James Dobson. O que vocês farão com a leitura dele é com vocês. As interpretações e opiniões ficam por conta de cada um que ler, mas, de uma coisa eu sei; ninguém ficará indiferente a essa leitura. Leiam e reflitam:


"Vamos sodomizar seus filhos, emblemas de sua frágil masculinidade, de seus sonhos superficiais e mentiras vulgares. Vamos seduzi-los nas escolas, nos dormitórios, nos ginásios, nos vestiários, nas quadras de esporte, nos seminários, nos grupos de juventude, nos banheiros dos cinemas, nas casernas do exército, nas paradas de caminhões, nos clubes masculinos, nas casas do Congresso, onde quer que homens fiquem juntos com homens. Seus filhos se tornarão nossos subordinados e cumprirão nossas ordens. Serão refeitos à nossa imagem. Irão ansiar por nós e adorar-nos.
Todas as leis proibindo a atividade homossexual serão revogadas. Em vez disso, serão expedidas leis que produzam o amor entre homens. Todos os homossexuais devem unir-se como irmão; devemos nos unir artística, filosófica, social, política e financeiramente. Só triunfaremos quando apresentarmos uma face comum para o odioso inimigo heterossexual.

A unidade Familiar - campo crescente de mentiras, traições, mediocridade, hipocrisia e violência - será abolida. A unidade familiar, que só refreia a imaginação e reprime o livre-arbítrio, deve ser eliminada. Meninos perfeitos serão concebidos e criados em laboratórios genéticos. Irão unir-se num ambiente comunitário, sob o controle e instrução de cientistas homossexuais.

Todas as igrejas que nos condenam serão fechadas. Nossos únicos deuses são jovens bonitos. Aderimos a um culto a beleza, moral e estética. Tudo que é feio, vulgar e banal será aniquilado. Desde que estamos afastados das convenções heterossexuais da classe média, temos liberdade para viver de acordo com os ditames da pura imaginação. Para nós demais não é suficiente.

Seremos vitoriosos porque estamos cheios da amargura feroz dos oprimidos, forçados a desempenhar partes aparentemente diminutas em seus tolos espetáculos heterossexuais através das idades. Nós também somos capazes de disparar armas e guarnecer as trincheiras da revolução final.

Trema, porco hetero, quando aparecermos diante de você sem máscara." 

(Extraído do livro "Educando Meninos" do Dr. James Dobson. Editora Mundo Cristão. Página 137)

Ufa! Que coisa mais louca, e por incrível que pareça tem algo de muito familiar neste texto. A PL 122, o Kit-gay, as tentativas de disseminar no meio da sociedade mentiras como a de que uma dupla gay seja um CASAL gay...casal é a união de macho e fêmea e nunca a de dois machos ou duas fêmeas, e muitas semelhanças por ai a fora. É claro que esse não é o pensamento da maioria dos gays, mas que existe uma minoria com força política e força para formação de opinão pública, isso existe!

Vamos educar nossos filhos como a Bíblia disse que deveríamos educar e fantasmas como o descrito acima passarão ao largo de nossas famílias.


Tom Alvim
Imagem: Stock.xchng

domingo, 18 de março de 2012

Edificando famílias felizes - Parte 1


Tenho duas notícias. Uma é boa e a outra é a ruim. Vou começar pela ruim e deixarei a boa para o final, mas a boa com certeza suplantará a ruim.
Primeiro, o começo da investida do inferno contra a família começou junto com o advento do pecado. Assim que Adão e Eva desobedeceram a Deus, o inferno mobilizou-se para destruir esta instituição que nasceu no coração do Pai para dar aos homens um lugar seguro e aonde iriam desenvolver suas vidas em comunhão perfeita com Ele. Contudo, nos dias atuais os resultados desta investidas estão muito mais evidentes e isso pode-se ver pelos costumes que nossa sociedade está começando a abraçar como sendo normal. Para mim esta investida ganhou força após o movimento feminista na década de 60 junto com o famoso baby-boom e outras atitudes tomadas por mulheres descontentes com a situação delas. É evidente que muita injustiça existia contra as mulheres, mas nada justifica o que foi feito e ainda está sendo feito para que a "guerra dos sexos" seja levada em diante. No livro "Educando Meninos" do autor norte-americano Dr. James Dobson diz que esta guerra veio para destruir a figura do homem como o provedor da família e fazer com que todos vejam os homens com tolos. Esse objetivo tem sido alcançado e hoje já é normal vermos muitos comerciais aonde os homens são tidos como tolos e as mulheres como as inteligentes e independentes. Outro dia vi um comercial aonde uma famosa atriz brasileira usa da comédia para desmoralizar os homens e tenho certeza que muitos homens riram deste comercial que os humilhava. Aqui está o link do YouTube para quem não acredita. Isso também pode ser constatado nas piadas que geralmente se conta de forma descontraída na rodas de amigos. Por exemplo: "Lá em casa quem dá a última palavra sou eu: - Sim senhora!" Outra: "Se os homens são a cabeça da família então as mulheres são o pescoço, pois direciona a cabeça para onde nós mulheres queremos." E ainda existem muitas outras piadas aonde a figura do homem está sendo completamente destruída e surgem novas figuras de "homens" confusos que não sabem mais qual o papel devem assumir no seio da família. É triste isso, ver homens comportando-se como alienados, desorientados, confusos, apáticos, etc. aonde deveriam tomar a frente e assumir suas responsabilidades sem medo. Homens que são tudo, menos os protetores de sua esposa e filhos, homens que não são mais cavalheiros, não são mais provedores, não são mais os sacerdotes, não são mais nada. Mais isso não é tudo. A família tem sido alvo em todas as facetas. Não somente o homem está sendo atacado em sua liderança, mas as mulheres também estão sendo destruídas em sua essência de mulheres, mas sobre isso falarei no próximo post assim que tiver tempo de escrever mais. Queridos homens, assumam sua liderança em casa. Suas esposas agradecerão e seus filhos também.


Autor: Tom Alvim
Imagem: Google

sábado, 10 de março de 2012

Edificando famílias felizes


Fui convidado para falar em uma reunião de casais e o tema será: Edificando famílias felizes. Já sei o caminho e aonde recorrer para encontrar as principais respostas para isso, mas como ainda estou em oração e em processo de construção da "palestra", aceito sugestões. Creio que "nunca antes na história deste país" a família foi tão solapada com as investidas do inferno para destruí-la, então o material é farto, mas também não quero falar muito e sem apresentar reais soluções para os casais presentes. Quero ir direto ao ponto e aprendendo junto, seguir firme na difícil tarefa de "edificar uma família feliz" em pleno século XXI.

Deixem suas sugestões. O que você gostaria de ouvir sobre o assunto? O que você falaria?

Autor: Tom Alvim.
Imagem: Stock.xchng

domingo, 4 de março de 2012

Maranata: Ora vem Senhor Jesus!


 
A pregação desta noite foi muito boa:

"...por mais maravilhosa que a vida esteja ela sempre acabará na morte...(sic)
" (Pastor Genevaldo)

A frase do pastor foi mais ou menos como está descrita acima, e apesar de parecer negativa é na verdade um alerta para aqueles sem Cristo, para que o busquem enquanto o podem achar e para nós os crentes que estamos tão deslumbrados com a vida boa que temos neste tempo presente que não exclamamos mais, "Maranata: Ora vem Senhor Jesus!"

Vou dormir em Paz! Maranata!!!!!
 
Autor: Tom Alvim.
Imagem: Google imagem

Pleonasmo religioso

Estive refletindo sobre o tema do post passado: "Evangelho puro ou podre?" e descobri um pleonasmo vicioso nele, chamei de pleonasmos religioso apenas para chamar a atenção, mas o que notei foi que a palavra evangelho em sua essência quer dizer "A boa notícia" ou as "Boas novas" e pensando por este prisma o evangelho jamais será um evangelho podre. Caso alguém pregue qualquer outro evangelho diferente deste, que seja anátema ou maldito, já disse o apóstolo Paulo. O que existe então é o evangelho e ponto. Se for um "evangelho torto" deixa de ser evangelho e começa a se chamar de qualquer outra coisa.

1) Fiz este adendo, porque ninguém tem comentado os artigos que aqui escrevo e longe de mim ficar choramingando tive que deixar essa "correção";

2) Devido ao fato da falta de comentários e talvez de pessoas interessadas em ler estes posts (artigos) estou pensando seriamente em deletar este blog que está servindo apenas para ocupar espaço nos servidores da Google...rs

Abraços para todos e se eu for deletá-lo, avisarei com alguns dias de antecedência.


Autor: Tom Alvim

sábado, 3 de março de 2012

Evangelho puro ou podre?



"Mas faço-vos saber, irmãos, que o evangelho que por mim foi anunciado não é segundo os homens." (Gálatas. 1: 11)

Aprendi quando criança que a palavra evangelho significava "boas novas" ou "boas notícias" e isso foi incrustado em minha mente. Era só falar em evangelho e já entendia tudo, pensava eu em minha pureza de infante. Fui crescendo e começaram os "debates" nos corredores da igreja sobre temas teológicos complicados e sem muito sentido para mim naquela época. Com o passar dos tempos esses temas foram crescendo e vi muitos migrarem para outras paragens. Eu, fui ficando aonde ouvi pela primeira vez o evangelho, mas amigos mais chegados do que irmãos se foram. Mudaram de endereço. Isso jamais me entristeceu, pois cria que eles deveriam estar aonde achassem ser o melhor lugar para exercitarem sua fé e sua caminhada com o Pai.

Esse evangelho, mesmo com diferenças "doutrinárias" ainda era para mim o evangelho puro de Cristo que deveria ser pregado para todas as nações. O evangelho de Cristo, que levava pessoas para Cristo e como dizem os nosso amados irmãos reformados "Solus Christus" - by Christ alone we are saved. Cristo deve ser a mensagem deste evangelho e assim permanecerá puro. Contudo o homem em sua busca louca por "Poder" vê nestas boas notícias uma oportunidade incrível de auferir lucro ou de arrebanhar ovelhas para si mesmos, deixando Jesus de fora desta história. Cristo deixa de ser a mensagem e passa a ser um coadjuvante. É triste constatar isso, mas também é algo previsível que está ligado a um crescimento natural religioso. Qualquer religião que cresça estará fadada a esses problemas. Jesus Cristo previu isto, mas apesar de saber que os desvios ocorreriam, sabia também que pessoas sinceras ouviriam sobre si pela primeira vez através de um evangelho torto, aonde o Apóstolo, Bispo, Pastores, Pastoras, etc, seriam o centro da mensagem. Aonde a foto destes, estaria estampada na fachada das igrejas empresas e não o nome daquele que é o ÚNICO digno de honra, louvor e adoração. Cristo sabia que falsos mestres pregariam sobre ele sem ao menos "conhecê-lo de com ele andar".

Hoje, vivemos uma época muito estranha, aonde o belo tornou-se feio, aonde a verdade é relativizada por doutrinas dúbias que não sobrevivem nem a suas próprias "verdades", aonde qualquer um cria um site ou um blog e escreve o que quer contra outros que deveriam ser seus irmãos em Cristo e onde o número de fiéis infiéis se multiplica.

Nos púlpitos crescem dia-a-dia pastores pregando que esse é o seu ano da restituição. Esse é o seu ano da vitória. Pessoas que nunca leram a bíblia toda e querem falar de suas verdades como se conhecedores dela fosse e o pior, como se tivessem intimidade com aquele que a inspirou. O evangelho podre cresce, por que as pessoas sem Deus estão tão imersas no pecado que comem tudo o que lhes é apresentado para saciar a fome de tudo (o pecado é insaciável), mesmo que esse tudo seja nojento com aparência de delicioso.

É triste ver o que acontece no Brasil de hoje, pois nasci no Brasil do evangelho que ainda estava engatinhando e não me lembro de ver tantas heresias sendo divulgadas como hoje se vê. Nossos embates ficavam no campo das línguas estranhas e nada mais - que eu me lembre parava por aqui. Hoje tem muitas "novidades" que não merecem nem mesmo buscar respaldo na Bíblia, pois elas nasceram no inferno. O evangelho puro depende da mensagem central dele, se for qualquer outra coisa que não seja Cristo, será um evangelho PODRE, tão sem sentido como a junção das palavras evangelho (boas novas) e podre (algo estragado e que não alimenta). Cristo está voltando e isso se nota por todos os acontecimentos ao nosso redor e no mundo. O diabo está trabalhando para roubar, matar e destruir essas boas novas, mas seu fim será a derrota total e o lago de fogo.

Ou pregamos um evangelho puro, ou como adúlteros teremos que dar conta ao Todo-Poderoso desta pregação. Cristo é o evangelho, o que fugir disto é anátema e podre por natureza.



Autor: Tom Alvim
Imagem: Stock.xchng