sexta-feira, 23 de março de 2012

Um texto pra lá de forte.



Não estou pregando homofobia, nem tampouco violência ou intolerância. O que fiz aqui foi reproduzir na íntegra um texto que li no livro "Educando Meninos" de um escritor norte-americano chamado Dr. James Dobson. O que vocês farão com a leitura dele é com vocês. As interpretações e opiniões ficam por conta de cada um que ler, mas, de uma coisa eu sei; ninguém ficará indiferente a essa leitura. Leiam e reflitam:


"Vamos sodomizar seus filhos, emblemas de sua frágil masculinidade, de seus sonhos superficiais e mentiras vulgares. Vamos seduzi-los nas escolas, nos dormitórios, nos ginásios, nos vestiários, nas quadras de esporte, nos seminários, nos grupos de juventude, nos banheiros dos cinemas, nas casernas do exército, nas paradas de caminhões, nos clubes masculinos, nas casas do Congresso, onde quer que homens fiquem juntos com homens. Seus filhos se tornarão nossos subordinados e cumprirão nossas ordens. Serão refeitos à nossa imagem. Irão ansiar por nós e adorar-nos.
Todas as leis proibindo a atividade homossexual serão revogadas. Em vez disso, serão expedidas leis que produzam o amor entre homens. Todos os homossexuais devem unir-se como irmão; devemos nos unir artística, filosófica, social, política e financeiramente. Só triunfaremos quando apresentarmos uma face comum para o odioso inimigo heterossexual.

A unidade Familiar - campo crescente de mentiras, traições, mediocridade, hipocrisia e violência - será abolida. A unidade familiar, que só refreia a imaginação e reprime o livre-arbítrio, deve ser eliminada. Meninos perfeitos serão concebidos e criados em laboratórios genéticos. Irão unir-se num ambiente comunitário, sob o controle e instrução de cientistas homossexuais.

Todas as igrejas que nos condenam serão fechadas. Nossos únicos deuses são jovens bonitos. Aderimos a um culto a beleza, moral e estética. Tudo que é feio, vulgar e banal será aniquilado. Desde que estamos afastados das convenções heterossexuais da classe média, temos liberdade para viver de acordo com os ditames da pura imaginação. Para nós demais não é suficiente.

Seremos vitoriosos porque estamos cheios da amargura feroz dos oprimidos, forçados a desempenhar partes aparentemente diminutas em seus tolos espetáculos heterossexuais através das idades. Nós também somos capazes de disparar armas e guarnecer as trincheiras da revolução final.

Trema, porco hetero, quando aparecermos diante de você sem máscara." 

(Extraído do livro "Educando Meninos" do Dr. James Dobson. Editora Mundo Cristão. Página 137)

Ufa! Que coisa mais louca, e por incrível que pareça tem algo de muito familiar neste texto. A PL 122, o Kit-gay, as tentativas de disseminar no meio da sociedade mentiras como a de que uma dupla gay seja um CASAL gay...casal é a união de macho e fêmea e nunca a de dois machos ou duas fêmeas, e muitas semelhanças por ai a fora. É claro que esse não é o pensamento da maioria dos gays, mas que existe uma minoria com força política e força para formação de opinão pública, isso existe!

Vamos educar nossos filhos como a Bíblia disse que deveríamos educar e fantasmas como o descrito acima passarão ao largo de nossas famílias.


Tom Alvim
Imagem: Stock.xchng

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário

Não serão aceitos comentários de cunho ofensivo, racistas, desprovido de coerência ou outros semelhantes a estes. Obrigado por seu interesse e volte sempre a este blog. Seu comentário é muito importante.