QUANDO AS SOMBRAS SILENCIAM

Ficção espiritual que conta a estória de um casal de missionários, em meio a muita ação e aventura.

HOMENS QUE LUTAM

Nova série de artigos sobre atitudes que tornam os homens mais do que vencedores.

FAMÍLIA - O PAPEL DO HOMEM.

"Vós, maridos, amai vossas mulheres, como também Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela, (Efésios. 5: 25)"

FAMÍLIA - O PAPEL DA MULHER.

"Toda mulher sábia edifica a sua casa; mas a tola a derruba com as próprias mãos. (Provérbios. 14:1)"

POEMAS - Para adoçar a vida!

Poemas que nascem no coração, cresce em nossa mente e alçam vôo em nossa imaginação.

Blog Impressões Sem Pressões

"Em meio a valores distorcidos em nossa sociedade, temos JESUS CRISTO como referencial perfeito!" (Tom Alvim).

quarta-feira, 28 de abril de 2010

Nem sob tortura...

Dentro em breve estaremos elegendo mais um (a) presidente (a) do Brasil e de uma coisa tenho certeza absoluta, NÃO votarei na Dilma Rousseff nem sob tortura intensa. Na verdade jamais votarei em qualquer um que seja do PT, mesmo que fosse o meu melhor amigo.

O que me deixa preocupado é que não existe dentro deste universo de candidatos nem um que me dê alguma esperança. Estou sem candidato e se fosse em outras eleições ANULARIA o meu voto, mas devido a realidade desta, estou quase convencido de votar no José Serra, não por que acredite na plataforma de governo dele, muito pelo contrário tenho ouvido e lido coisas que não agradam-me, mas apenas para tentar evitar que a Dilma ganhe mesmo. Então, talvez vote naquele  ou naquela que estiver com mais chances de ganhar da Dilma e desbancar o PT do governo.

Obs 1.: Todo povo tem o governo que merece?

Obs 2.: Muitos de nossos políticos são corruptos e eles saem do seio de nosso povo. Não são estrangeiros, são todos brasileiros, então, entendemos que essa veia corrupta esteja em nossa sociedade? Fica aqui estes questionamentos para que nós memos possamos refletir e responder.

Autor: Tom Alvim
Imagem: Google

domingo, 25 de abril de 2010

Mentiras deslavadas

"Uma mentira repetida mil vezes torna-se verdade." (Joseph Goebbels)

Creio que existem algumas mentiras que já passaram do número mil...


1) "Elite branca";
2) "Homossexualismo é algo normal, a pessoa nasce assim";
3) "O sistema de cotas raciais é para corrigir injustiças praticadas até hoje contra os negros";
4) "Ecumenismo é algo bom";
5) "Todas as religiões levam a Deus";
6) "Índio é puro e deve se manter como está vivendo na selva sem progredir";
7) "100% Negro";
8) "Aonde está o seu racismo?";
9) "Contrate um negro para trabalhar em sua empresa";
10) "A mulher pode fazer abortos sim, pois ela tem direito sobre o seu próprio corpo";
11) "Casal gay". 


Vou comentar rapidamente cada item dos que estão acima para que ninguém venha a interpretar de forma deturpada o que coloquei lá, pois essas frases eu já ouvi diversas vezes e elas são mentiras ditas milhares de vezes. Existem muitas outras, mas vou deixar para escrever outros posts.
Vamos lá:

sexta-feira, 23 de abril de 2010

Costurando o véu


"E eis que o véu do templo se rasgou em dois, de alto a baixo; e tremeu a terra, e fenderam-se as pedras;" (Mateus. 27:51)


O tema deste pequeno artigo não é meu, algum dia ouvi alguém falar sobre isso, na verdade não me lembro mais o conteúdo mas o tema ficou em minha mente. Engraçado não é mesmo? Tudo bem, não é nada engraçado, é muito triste ver o que está acontecendo no mundo evangélico de hoje, tem gente usando costumes que datam da Lei Mosaica e muitos usam expressões, símbolos e o que mais puderem usar para explorar o lado místico, e cheio de sincretismo de nosso povo. Outros são sinceros no uso destes artifícios por não terem profundidade Bíblica nenhuma e uns poucos são ingênuos ao aderirem também a esses modismos.
Quando eu era adolescente, e isso já faz um tempo considerável, tinha um "corinho" que dizia: "O véu que separava já não separa mais", contudo, parece que é algo interessante para alguns continuar com o véu interinho, na verdade ele não estará tão inteiro assim, ele será um véu roto, um véu frágil, um véu imprestável, pois o Senhor dos Exércitos ordenou que ele fosse rasgado de cima abaixo quando Cristo consumou seu plano na rude Cruz.
O ser humano tem uma necessidade enorme de complicar o que foi descomplicado por Deus.

Alguns exemplos de costura do véu:

- Uso de Shofar para chamar o povo a adoração (Quem chama hoje o povo a adoração é o Espírito Santo e não alguém tocando um berrante evangélico qualquer);
- Uso de termos como Altar (O altar atual é o nosso coração, pois Cristo foi o sacrifício vivo no altar derradeiro);
- Uso de símbolos do Judaísmo em templos ditos evangélicos, tais como a Arca da Aliança, o Castiçal Judaico, Estrela de Davi, etc...

É tragicômico, mas a minha opinião Bíblica é esta e não posso ser politicamente correto, devo dizer o que penso, se estiver pautado na Palavra de Deus.

Quer mais? Leia ESTE TEXTO, está muito completo.

Autor: Tom Alvim
Imagem: Google

quarta-feira, 21 de abril de 2010

Coisas que a mídia brasileira não mostra na TV

terça-feira, 20 de abril de 2010

Gente como a gente



Gente inteligente.
Gente incipiente.
Gente como a gente.

Estar no meio dessa gente, e em meio a essa gente,
é ato de fato,
é fato verídico.
Somos essencialmente carentes de gente.
E nos fortalecemos quando assim estamos.

Diversas são.
Previsíveis ou não.

Gente ! Obra da criação,
obra de um coração.

Coração perfeito,
Inigualável, Insuperável !
O coração de Deus que sente como a gente.

Autor: Tom Alvim
Imagem: Stock.xchng

segunda-feira, 19 de abril de 2010

Aprofundando-se em temas relevantes



Vídeo simplesmente sensacional, não consigo parar de ver....rs Espero que gostem também.

domingo, 18 de abril de 2010

Identidade para que serve isto?

Sou discípulo de Jesus Cristo desde 1987, fá faz um bom tempo não é mesmo? Cresci sendo embaixador do Rei, participando de união de treinamento, indo a congressos de adolescentes, inclusive foi aonde eu tive o meu encontro verdadeiro com Cristo e sempre gostei de evangelismo. 

Evangelizava de várias maneiras, no trem, nos ônibus, nas praças, nos cursinhos em que estudei e o mais bacana disto é que na maior parte evangelizava com irmãos em Cristo de outras denominações, ou seja, grupos interdenominacionais e nestes grupos ninguém falava de costumes específicos de sua denominações, falavamos apenas de Jesus, este era o foco, nós pregavamos o evangelho e depois da conversão das pessoas diziamos para que elas procurassem qualquer igreja evangélica perto de sua casa ou alguma que ela se identificasse. Nunca puxavamos brasa para nossa sardinha....rs 

Mas mesmo tendo esta noção clara de saber que placa de igreja não salva e que no céu estaremos na  comunidade perfeita, entendia também que algumas celebrações não eram para mim o ideal, a minha personalidade era um pouco mais tranquila, não morta ou fria, apenas mais calma e por isso jamais sentiria-me a vontade em uma igreja aonde todos orassem ao mesmo tempo, para mim era necessário que eu pudesse ouvir quem estava orando para no final concordar ou não com a oração através do meu amém.

Aonde quero chegar? Identidade é algo que te define, que diz quem você é, e por esse motivo creio que devemos ter a nossa ou nunca saberemos quem realmente somos, mas esta identidade não deve ser uma bandeira levantada acima do propósito maior que é pregar o evangelho.  Sinto que existem igrejas  que não tem identidade, aonde os pensamentos difusos são uma colcha de retalhos e aonde existem muitas mentes pensando no lugar do Espírito Santo e o pior dizendo que aqueles que não pensem do seu jeito estão fora da visão. 

Volto a dizer, o foco é PREGAR JESUS, esse é o foco, a identidade é uma questão de escolha não resulta em salvação de almas, mas precisamos entender isso, e é por essa razão que me defino como um discípulo de Cristo conservador que respeita as opiniões contrárias, mas que entende que tem uma identidade que será sempre definido por ela. 

Mesmo que eu seja um dos poucos que pensem assim, continuarei caminhando para céu, falando de Jesus e não de denominação, mas na hora de ensinar sobre este evangelho irei ensinar algo definido por aquela na qual estou inserido, algo que já estudei na Bíblia e não algo que alguém diz vivenciar, não creio em experiências que estejam dissociadas da Bíblia. Somente a experiência em si para mim será vazia se não estiver respaldada na Palavra de Deus. 

Um fato me chama a atenção, muitos que defendem determinada posição a defendem sem nunca terem lido, pesquisado ou estudado na Bíblia, eles a defendem porque ouviram alguém falando sobre o assunto de forma superficial, ou já viram em algum culto, mas não tiveram o seu próprio tempo com o Espírito Santo que discerne tudo o que tiver que ser discernido, para todos. 

Sigamos juntos crendo em Cristo e falando Dele para as multidões perdidas, mas também sejamos coerentes conosco mesmos e não sendo politicamente corretos sobre questões tão importantes assim.

Quem quiser saber mais sobre este assunto vá em: http://www.ojornalbatista.com.br/

Autor: Tom Alvim
Imagem: Stock.xchng

sábado, 17 de abril de 2010

Evangeliquês

Vocábulos:

Ministrar = Pregar, Falar algo para alguém
Paz = Paz em Cristo
Palavra = Bíblia
Irmão, irmã = Pessoas que crêem em Jesus Cristo ou como chamamos alguém que não sabemos o nome...rs
Oh glória! = Algo bom
Graça e Paz = Espécie de cumprimento entre irmãos
Recebe aí = Receber a bênção
Entrar com providência = Resolver problemas
Fora da visão = Não está no centro da vontade de Deus
Público alvo = Linguagem empresarial que alguns pregadores gostam de usar para identificar aqueles que ainda não aceitaram Jesus como seu salvador
Tá amarrado = Expressão que supostamente amarra o inimigo
Queima = Expressão totalmente sem sentido Bíblico e que significa um "isola" evangélico
Levita = Palavra usada para denominar os músicos, mas quem ler a Bíblia verificará que o termo é muito mais abrangente e que os levitas também eram uma espécie de zeladores do Templo. Pergunta de seleção: Quantos "levitas" modernos estão dispostos a servirem também limpando os templos?
Varão/Varoa = Homens e mulheres crentes em Jesus Cristo
Homem/Mulher de Deus = Homens e mulheres realmente consagrados a Deus


Caso alguém queira acrescentar mais algumas é só comentar e estarei colocando junto destas.

A minha crítica não é somente sobre algumas palavras em si que foram escritas acima, mas sim também quando usamos tais palavras indiscriminadamente no meio de pessoas que não conhecem o evangelho, e que ficarão possivelmente confusas ao ouví-las. Devemos ter sabedoria ao falarmos de Cristo até na escolha correta das palavras.

segunda-feira, 12 de abril de 2010

O mito do sexo seguro

    A mística do sexo seguro é pregada abertamente pelos meios de comunicação e chancelada pelo Ministério da Saúde como sendo algo que realmente resolverá os problemas advindos da não observação dos métodos preventivos divulgados por eles.

    O que mais me assombra é a tal da política da redução de danos, política intervencionista e que parte da falsa premícia de que basta se resguardar usando camisinha para que as DSTs (Doenças Sexualmente Transmissíveis) não contaminem um grande número de pessoas em nossa sociedade.

    "Sem Camisinha não dá", dizem eles utilizando-se de duplo sentido, além de não resolver o problema ainda impregna a mente dos mais novos com a falsa sensação de que pode-se promiscuir-se irresponsavelmente que estarão seguros. Além do fato de esconderem que a camisinha não é totalmente segura ainda escondem o fato de que a intimidade é algo precioso e que não basta que eu ache que encontrei a pessoa certa para pular na primeira cama que encontrar pela frente.

"Segundo o Departamento de Saúde e Serviços Humanos do Centro para Dispositivos e Saúde Radiológica, (Center for Devices and Radiological Health) pertencente ao FDA - Food and Drug Administration, órgão do governo americano que regula medicamentos, conforme publicado em seu folheto informativo "Condoms and Sexually Trasmitted Diseases... specially AIDS" que pode ser encontrado em  http://www.fda.gov/cdrh/consumer/condom-brochure.pdf diz o seguinte:
 

"A maneira mais segura de evitar estas doenças (sexualmente transmissíveis) é não praticar o sexo (abstinência). Outra maneira é limitar o sexo a somente um parceiro que também se compromete a fazer o mesmo (monogamia). As camisinhas não são 100% seguras, mas se usadas devidamente, irão reduzir o risco de doenças sexualmente transmissíveis, inclusive AIDS ."

“O tamanho do vírus HIV da AIDS é 450 vezes menor que o espermatozóide. Estes pequenos vírus podem passar entre os poros do látex tão facilmente em um bom preservativo como em um defeituoso” (Richard Smith, The Condom: Is it really safe saxe?, Public Education Commitee, Seattle, EUA, junho de 1991, p. 1-3)."


    Relacionamentos envolvem sentimentos e devem ser cuidados e protegidos, pois após 5 minutinhos de "prazer" existirá TODOS os anos do restante de sua vida para se conviver com as consequências que podem ser catastróficas. A pessoa magoáda não envolverá somente ela nesta ciranda, ela envolverá a sua família, os seus amigos e a família e amigos do seu "parceiro".

    Minha posição é de dizer que discordo desta falácia toda imposta pela pós-modernidade e que sexo seguro é o casamento e não o uso de preservativos. Agora se o casamento será realmente seguro é tema para outro post, neste aqui apenas me reservo ao direito de me debruçar sobre este aspecto nebuloso pregado aos quatro ventos como sendo uma boa política e digo que é uma grande mentira.

    Apenas como testemunho pessoal, casei-me virgem aos 33 anos de idade e sou um homem mais do que feliz no casamento. Após 7 anos de casado agradeço a Deus por minha escolha e se pudesse voltar atrás faria tudo novamente, apesar das pressões sofridas na escola, na faculdade e aonde descobrissem que eu ainda era virgem, por opção.
    Jovem, não caia nesta arapuca. Escolha seu cônjuge à partir de princípios Bíblicos e siga sua vida com qualidade, saúde e paz em seu coração.

"Quem ama espera"
"Meninas fáceis"
"Quem ama respeita a pessoa amada"
"Quem ama não quer só cama, quer sentir-se seguro sem ser usado como um objeto"

Autor: Tom Alvim
Imagem: Stock.xchng

sábado, 10 de abril de 2010

Espírito Santo

-->

Há em mim algo diferente, algo que por si só e tão somente
supera-me e surpreende-me.
Há em mim algo inigualável, e eu posso até dizer,
porque não insuperável ?
Há em mim...
Há em mim !!!
Tantas coisas; infinitas eu sei !
Mas o que há em mim de tão bom e belo não é de natureza humana, que por si só se profana.
O que há em mim de tão especial vem de um Deus que nos ama, de um Deus que se aconchega quando de mim emana, um louvor puro e sincero.
Não há ausência dele em meu canto, pois Deus nos deixou seu Espírito Santo, que ao fazer em mim morada, acabou com o mais profundo pranto.
Há em mim o Espírito Santo.


Autor: Tom Alvim
Imagem: Stock.xchng

sexta-feira, 9 de abril de 2010

Excelente palestra de graça

      Recebi um e-mail com o endereço de palestras de graça do Rev. Augustus Nicodemus Lopes proferidas na Nona Conferência Fiel em Portugal e fiquei feliz em ver que ainda existem pessoas em nosso país que pensam um pouco, ainda mais em nosso meio tão bagunçado hoje em dia. Segue o endereço:

      Nem preciso fazer mais comentários acerca das Palestras, simplesmente tudo aquilo que eu sempre quis dizer, mas ainda não tenho tamanha profundidade.

      Aproveitem!

quarta-feira, 7 de abril de 2010

Qual é a sua religião?

Pergunta intrigante não é mesmo?

Qual é a sua religião? 

Cresci em um ambiente que proporcionou-me escolher a minha religião, eu poderia ser crente, poderia ser católico, poderia ser até mesmo ateu se eu quisesse, pois meus pais não me pressionavam quanto a isto. Mas, apesar desta liberdade que me foi dada sempre senti que a religião em si era algo frágil e que na verdade não cumpria os seus propósitos que seria o de re-ligare ou religar o homem (sentido genérico) a Deus. 

Enquanto criança, não via na religião um problema, pois ainda não estava inserido nela e nem poderia entender os seus meandros, quando adolescente também não via nada de mais por que minhas preocupações eram outras. Contudo, depois de adulto comecei a observar melhor os acontecimentos ao meu redor e a entender como algumas pessoas usavam da religião para auferirem algum tipo de vantagem sobre as outras, e como essas sabiam ser bem cruéis quando queriam ser. Comecei a ver como alguns líderes religiosos eram exímios no uso da religião para manipular e até mesmo humilhar aqueles que para eles estavam "fora da visão".

Neste período fui crente, depois fui cristão e agora sinto-me apenas DISCÍPULO DE CRISTO, não que isso faça a menor diferença, se for algo dito apenas da boca para fora torna-se mais uma forma de ser religioso, pois o que importa é o que vai em seu coração, o que vai em sua mente, mas quando alguém me pergunta qual a minha religião sinto-me livre em dizer que sou discípulo de Jesus e assim espero que não me identifiquem com alguns que se auto-proclamam pastores (qualquer um pode ser pastor é só acordar um dia e começar a dizer que é), nem como alguns que se dizem crentes sem nunca terem nascido de novo, e de verdade ou da verdade.

Agora apesar desta minha opção semântica não sou daqueles que atacam a igreja evangélica no Brasil, sei de seus problemas até por que não existe uma igreja evangélica em nosso país mas sim uma infinidade de igrejas com características diferentes entre si, é uma verdadeira salada de frutas, uma colcha de retalhos bem confusa por sinal. 

Vou caminhando neste meio denunciando e lutando contra aquilo que creio, embasado na Bíblia, ser errado, mas nunca como inimigo da igreja. A única coisa que sei é que ao chegarmos no céu teremos muitas surpresas e entenderemos este ensaio, que foi a vida, e como muitos deixaram-se seduzir por tão pouco mesmo parecendo ser muito. 

Alguns por desconhecimento, outros por estultícia e será neste momento que a religião não poderá salvar a ninguém, ela não será advogada de ninguém e nem tampouco sua intercessora. Somente quem se apegou a religião verdadeira (JESUS CRISTO) poderá ter acesso ao Pai e as mansões celestiais, qualquer outra coisa fora disto será apenas mais uma religião em meio a tantas outras.

Autor: Tom Alvim
Imagem: Stock.xchng

terça-feira, 6 de abril de 2010

Esqueletos dentro da sepultura.

No livro "Deus trabalha no turno da noite", Ron Mehl diz que O pecado "Sou eu tentando satisfazer as minhas próprias necessidades. Sou eu tentando andar sem ajuda. Sou eu tentando satisfazer minha própria alma." O pecado nos distancia de Deus, pois faz com que nos achemos tão auto-suficientes que nos cega e nos engana.
Outro dia vi alguém dizer que somos pequenos deuses, que cada ser humano é um deus e fiquei triste por aquela vida, espero que um dia ele encontre o ÚNICO E VERDADEIRO Deus e se SUBMETA à Ele de todo o seu coração.
Que deuses desgraçados seríamos, cheios de mazelas, cheios de empáfia, cheios de fraquezas físicas e espirituais, tão cheios de pecados.  Esqueletos dentro da sepultura, que não conseguem nem mesmo sair de lá após a morte. Isso, só através de Jesus, que a propósito venceu a morte, saiu do túmulo ao terceiro dia e vivo está. 
Este é o Deus verdadeiro que não se compara a nada e a ninguém e que está acima de TODAS as coisas. Ele é incomparável, invencível. Ele, é DEUS!
Prefiro pensar que não sou nada e que nada posso fazer longe de Cristo. Penso isso por que é a verdade revelada por Ele através da Bíblia Sagrada, e essa por sua vez só se tornará Sagrada se nós nos humilharmos ao Lê-la, se nos SUBMETERMOS ao Senhorio Daquele que a inspirou.
Coloquemos os pingos nos is e só assim seremos seres humanos que foram salvos pelo sangue de JESUS e não por nós mesmos.

segunda-feira, 5 de abril de 2010

Vencer para quê ?



Sair, andar, curtir; enfim, viver !
Viver para crer,
crer para vencer,
e vencer...
...vencer para quê ?

Na vida são tantos objetivos,
sentidos dispersos de uma realidade distante.
Na vida temos que crescer,
crescer para vencer...
...vencer para quê ?

Deus nos fez mais do que vencedores, pois,
já herdamos a vida eterna !
Aí, viver ou morrer, não importa !!!
O que sei é que não mais perguntarei:
...vencer para quê ?


Autor: Tom Alvim 
Imagem: Stock.xchng

sexta-feira, 2 de abril de 2010

Sabedoria divina = Vida plena

"Deu também Deus a Salomão sabedoria, grandíssimo entendimento e larga inteligência como a areia que está na praia do mar." (1 Reis. 4:29)

A verdadeira sabedoria vem do Senhor, pois ela não se confunde com "esperteza". Ela lhe conduz por caminhos retos e estreitos, mas caminhos de vida e não de perdição. A sabedoria vem precedida do temor ao Senhor, esse é o ponto de partida para uma vida plena, uma vida que realmente valha à pena. A sabedoria é calma, não atropela os fatos. A sabedoria é serena, não toma decisões apressadas e nem tampouco sem se debruçar sobre os fatos e pensar bastante dentro da óptica divina.
Salomão demonstrou no versículo acima que já era sábio ao pedir sabedoria a Deus, ele poderia ter pedido muitas outras coisas que naquela época podiam parecer importante, mas ele pediu aquilo que lhe possibilitaria alcançar as outras coisas quantas vezes fosse preciso. 

Deus não deu somente saberia a Salomão, deu-lhe também grandíssimo entendimento e larga inteligência. Deus, quando nos dá algo, nos dá de forma completa de forma plena. Basta pedir-lhe com fé e para fazer com que Ele seja engrandecido. 

O que pedimos a Deus revela o que pensamos de Deus. 

Se pedimos sabedoria para uso egoísta devemos continuar pedindo sabedoria para lermos a Bíblia e através do Espírito Santo entendermos o propósito divino para nós seres humanos.

Ou então, continuaremos prosseguindo neste mundo, cambaleando por caminhos largos aparentemente caminhos de sabedoria, mas que no fundo apenas nos confundem e nos levam a sofremos cada dia mais.

Autor: Tom Alvim
Imagem: Stock.xchng