quarta-feira, 24 de setembro de 2014

Carícias do Criador

 

O vento que passa por vias espaças;
o vento que acaricia a tua face sem distinção;
face que retrata a vida dura que tu passas;
o vento que acaricia tua alma,
alma sem cor e sem raça;
alma que permanece intacta;
vento que se torna em brisa;
brisa do mar;
brisa do amar.
Amar,
ser amado,
ser notado.
Interesse de toda criação;
vento que se torna em brisa,
brisa no coração.  


Autor:Tom Alvim
Imagem: Stock.xchng

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário

Não serão aceitos comentários de cunho ofensivo, racistas, desprovido de coerência ou outros semelhantes a estes. Obrigado por seu interesse e volte sempre a este blog. Seu comentário é muito importante.